quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Desculpas para não ser um missionário... Parte 1

"Mas eu não me sinto chamado... "

Esta é uma das desculpas mais prevalente em torno de hoje . O infame ... "Deus não me chamou para ir ... Então, como vamos responder a essa desculpa? Primeiro, se você fizer um estudo da palavra sobre a palavra " chamado " você verá que a maioria dos usos nas escrituras são o chamado para vir a Cristo para a salvação. Por uma questão de fato, o apóstolo Paulo equacionada a  vinda de Cristo com a sua responsabilidade para chegar a todas as nações. Ouça o que ele diz aos Gálatas : "Mas quando Deus, que me separou desde o nascimento e me chamou pela sua graça, o prazer de revelar seu Filho em mim para que eu o pregasse entre os gentios ( nações) "(Gálatas 1:15 - 16). Paulo compreendeu que tinha uma obrigação geral de levar o evangelho a todas as nações simplesmente pela salvação , porque Deus tinha estendido esse presente à ele. Em segundo lugar, quando Paulo recebeu um chamado "em um lugar específico para o ministério , foi quando ele estava ativamente ministrando e jejum ( Atos 13:1 - 4). A maioria das pessoas , embora lamentando, "Eu não sou chamado "estão apenas usando isso como uma fuga ,  e estão longe dese dedicar em oração e  jejum diante de Deus para encontrar direção. Então, da próxima vez que você acha que não se sente chamado ,  pergunte de quantas viagens missionárias  têm vindo ,  o que você está fazendo para o Senhor agora e quantas vezes você jejum sobre a decisão ?

 J. Hudson Taylor

Está na hora de acordarmos para essa realidade ,acabamos inventando muitas desculpas , pensando que Deus pode aceitá-las , coitadinhos dos que pensam assim . O chamado de Deus é pra todos nós , e para todos os povos ... Coloque sua vida à disposição do Senhor , Busque , ore , jejue ... O quano antes você entender o que Deus quer de você , mais tempo terá para fazer a vontade dele ... pense nisso !

1 comentários:

Sandro disse...

Mano,

Poucos querem ir.
E o ide, para quem não pode é auxiliar quem pode.

Estou seguindo seu blog e convido-o a seguir o meu.

Abraços, NEle,

Sandro
http://oreinoemnos.blogspot.com/